Elementos da cultura tradicional da Infância ganha status científico nas práticas pedagógicas

A tese de mestrado da Prof. Rosemeire Laviano,

“Cantando e brincando com a linguagem oral – Recursos para o trabalho com crianças na primeira infância”foi defendida no dia 24 de abril de 2015 na Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo.

Os professores doutores  presentes na banca, foram bastante elogiosos ao trabalho de nossa parceira, incentivando a divulgação de seu trabalho entre profissionais carentes destas informações (fonodiólogos, psicólogos, médicos pediatras), além do próprio círculo da educação, evidentemente.

 

Seu trabalho busca validar o uso de elementos da cultura tradicional da infância, sobretudo os brinquedos cantados e as histórias como contribuintes para as aprendizagens de caráter oral por parte das crianças.

Ficamos felizes em poder participar de um trabalho tão relevante. As imagens em vídeo que ilustram a tese da educadora junto às crianças foram captadas no CEI Manoel Bispo dos Santos e gentilmente cedidas pelo Grão da Vida, com a devida autorização dos pais.

Desde do século XVIII, no ocidente, inúmeros educadores identificados com este tipo de trabalho, de forma intuitiva afirmaram o quanto as brincadeiras da tradição podem realmente promover muitas aprendizagens significativas por parte das crianças, porém não tínhamos notícia da descrição científica destes fatos.

Esperamos poder contribuir com a divulgação dos dados de sua pesquisa. Nossa escola e as práticas que desenvolvemos são um exemplo vivo do que a professora busca evidenciar em sua tese.

Parabéns Rose ! Estamos juntos !

Gostou da publicação? Deixe um comentário abaixo!

CEI Marina Villares da Silva Novaes

  • (11) 5939-2471

CEI Manoel Bispo dos Santos

  • (11) 5686-5642

Sede Grão da Vida

  • (11) 5523-6187

R. Dr. Olympio Carr Ribeiro, 18 – 04775 120 – Vila Califórnia – São Paulo – SP
CNPJ: 55.871.974/0001-32

Grão da Vida 2018. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Calhau Social.